sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

SLEx + Linden Lab + OnRez

O mercado virtual do Second Life nunca mais será o mesmo. No último dia 20 a Linden Lab anunciou a aquisição e fusão dos dois maiores mercados on-line para produtos virtuais do SL - XStreetSL, antigo SLExchange e o seu maior concorrente OnRez que era da famosa Rezzable.


A partir de agora tudo o que era vendido separadamente por duas empresas distintas, será controlado pela Linden Lab, que assume praticamente o controle total do mercado externo de objetos e produtos virtuais. Aparentemente a transação foi milionária, pois, ambos os sites eram visitados diariamente por milhares de pessoas.

O XStreetSL é ainda hoje um dos 9000 websites mais visitados do mundo (de acordo com o índice Alexa.com) , chegando muito próximo do site oficial do SL SecondLife.com. Já o OnRez era o maior concorrente do XStreetSL, estando entre os 50 mil mais visitados do mundo. Em termos financeiros, de acordo com o New York Times, o mercado de produtos virtuais, para jogos e mundos virtuais, movimenta cerca de 1,5 bilhões de Dólares por ano. O Second Life responde por cerca de 360 milhões de Dólares por ano (mais de 20% deste nicho), apenas em vendas de objetos virtuais e recursos, muito dos produtos criados e vendidos pelos próprios participantes (avatares).

Com a operação de compra a Linden Lab assume controle sobre os dois principais comércios de recursos externos ao metaverso. Ambos sistemas funcionam baseados na compra on-line com a entrega da mercadoria imediatamente ao comprador, que deve estar logado no sistema Second Life. Eram praticamente o eBay ou Mercado Livre do mundo virtual, mas estavam sob controle privado, até dia 20 de janeiro.

Deste dia em diante o comércio virtual, fora do metaverso será realizado apenas no endereço XStreetSL, sendo o OnRez totalmente absorvido pelo maior concorrente. Maiores informações podem ser lidas nos sites oficiais de cada mercado.

Tudo indica que esta preocupação de Linden Lab vem da necessidade de controlar de forma mais efetiva o conteúdo comercializado no metaverso, pois, a onda de clonagens voltou, preocupando demais os desenvolvedores e criadores de objetos. Com este movimento, a empresa sinaliza que irá agir mais efetivamente. Em breve podemos ver objetos copiados e clonados sendo removidos do sistema XStreetSL, pois, a partir de agora seus vendedores também serão controlados pelas regras do T.O.S. (Termos de Serviço) da Linden. Antes não eram, ficavam livres para vender o que quisessem, sem comprovar origem ou confirmar sua criação.

Apesar de dominarem 99% do mercado mundial de vendas fora do metaverso XStreetSL e OnRez não são os únicos mercados. Um programador brasileiro recentemente desenvolveu um sistema semelhante, com um adicional diferenciado, que permite a criação de franquias. Ricardo Nascimento, criou o REZZOR que é um sistema inspirado nos já existentes, mas acrescentou a possibilidade de comissionar as vendas para parceiros, ampliando ainda mais as possibilidades. Atualmente o REZZOR responde por apenas 1% do mercado mundial, mas tem planos de ampliação. Vale a pena conferir.

Origem: http://www.mundolinden.com/

Publicidade:

3 comentários:

NHC disse...

Prezado Liberato;

Como sempre seus comentários e visão sobre o metaverso são sempre muito realistas e interessantes.

Gostaria apenas de fazer uma ressalva em relação à informação do seguinte texto:

"mas acrescentou a possibilidade de comissionar as vendas para parceiros, ampliando ainda mais as possibilidades"

Esta funcionalidade já existe a muito tempo no site do Xstreet SL, permitindo o split da venda entre outros usuários. Além disso a API do XStreet SL permite o "POST" para um endereço pré-configurado (um script em outo site) para o cadastramento de todos os dados das sua vendas em seu próprio servidor.

Sinceramente, acho o site Xstreet dotado de bons recursos. É importante destacar que o mérito do site em si, não é dedicado exclusivamente ao time do Xstreet (em especial o Aphoteus), já que todo o site é herança do antigo e consagrado PHP-Nuke com módulos de forum e comércio eletrônico.

Espero que essa aquisição, siga muito além de um maior controle do sistema de permissão, trazendo através de desenvolvimento e integração, maiores benefícios para toda a meta-sociedade.

Um grande abraço;
do amigo Sylvio Runo

Jean Liberato disse...

Olá Sylvio

muito obrigado por acompanhar nosso trabalho.

Eu realmente não conheço todas as funcionalidades do antigo SLEx e atual XStreetSL, mas com seu comentário a postagem fica ainda mais completa. Agradeço sua colaboração.

Sucesso em seus produtos que são geniais! Sou um dos admiradores de seu trabalho também e nunca é fora de propósito para declarar isso eheheheh

Grande abraço.

:)

Ricardo Mendes do Nascimento disse...

Primeiramente obrigado ao Jean poro comentar sobre o meu sistema, o Rezzor.

Quanto a questão do diferencial de comissionamento .. Sim, o XstreeSL possui um recurso para divisão de lucros por vendas no site. O que o Rezzor tem que nem um outro tem é a venda in-world, permitindo a criação de franaquias. É sobre este tipo de comissionamento que o post trata.
Todos podem colocar produtos no Rezzor e todos podem revender produtos do Rezzor em troca da comissão. O Rezzor é em primeiro lugar um sistema de revendas in-world e que de quebra possui um site para vendas pela WEB. O OnRez possui Vendors in-world, porém somente o dono pode usar e ganhar com isso, e o Rezzor possui ResellerVendor como o hippoVEND. Logo, mesmo não sendo dono do produto vc pode vender, mas nesse caso receberá somente a comissão que o dono estipular.
Só para deixar um pouco mais claro.
Novamente obrigado pelo espaço Jean. Sucesso com o MundoLinden!!