terça-feira, 18 de novembro de 2008

Polêmicas, recordes, resultados e fatos

Tenho dedicado boa parte de meu tempo na análise e no desenvolvimento de estratégias viáveis, que dêem resultados em mundos virtuais, principalmente no Second Life. Sinceramente, valeu a pena. E mais: tudo indica que a tendência é crescer cada dia mais.

por Jean Liberato

Apesar de trabalhar com outras mídias na Internet, como o There.com e o Entropia Universe, e também com redes sociais como o Orkut, o FaceBook, MySpace e YouTube, vou focar no Second Life, que é o tema de estudo deste blog.

E para abrir este post, vejam que beleza! O SL atingiu a marca de 76.000 conexões simultâneas, neste último final de semana! NOVO RECORDE de residentes logados nos servidores simultaneamente!!!

É pouco? Certamente que não! Este número significa que os novos residentes estão chegando e ficando e os mais antigos continuam ativos. É um exemplo tangível da população ativa em crescimento, que movimenta o mundo virtual 3D.

Quer outro indicador? Ok, lá vai: 1.349.551 pessoas, conectaram-se no Second Life nos últimos 60 dias - NOVO RECORDE TAMBÉM, atingido neste final de semana. Comparando este número ao mesmo período do ano de 2007 (o ano do "boom"), encontramos um crescimento real de aproximadamente 420.000 residentes! Em termos percentuais, temos um crescimento real de 43% na base de pessoas verdadeiramente ativas dentro do metaverso.

Estas pessoas movimentam mais de 20 milhões de dólares americanos por mês, consumindo recursos dentro do mundo virtual. E não estão computados aí os valores movimentados por fora do sistema, que movimentam um montante 30% maior que o número oficial.

Vamos falar de tabus?

Etimologicamente, "tabu" é um assunto de que não costumamos falar por várias razões: porque é alvo de opiniões contraditórias, porque é um assunto que interfere com a sensibilidade das pessoas, etc. Também pode ser considerado como qualquer assunto inaceitável ou proibido em uma determinada sociedade.

Ok! O Second Life é um TABU, um TABUZÃO, bem grande e que incomoda demais os "experts" da Tecnologia da Informação (TI ou IT) e alguns publicitários também. Freqüentemente o SL é posto a prova, é criticado, atacado, mal falado, ojerizado, etc. Quem mais fala e menos gosta, são catedráticos que defendem com unhas e dentes o seu ganha pão sagrado de cada dia, mantendo sua fé no eterno status-co da atual WEB (1.0, 2.0, 3.0, raios-que-os-parta.ponto.zero).

Por que? Oras! Para não terem que reformular todo um conceito desenvolvido ao longo dos últimos 20 ou 30 anos! Simples assim! O que será do fanático revolucionário que defende projetos baseados em Linux, se por algum motivo a WEB tornar-se um "brinquedo" em 3D? Como ele vai justificar que a tecnologia que ele diz ser de ponta, top de linha, de repente tornar-se algo ultrapassado? Aí está o tabu, instituído e marcado. Mais claro que isso, só se acendermos as luzes!

Pois bem, depois que vemos o SL como um grande tabu tecnológico, nos cabe entender o que ele é. Pois, nos últimos meses, vem demonstrando ser muito mais que um joguinho em rede, muito mais do que uma rede de pessoas com interesses comuns. O SL é um meio de produção de conteúdo fantástico, ainda mais interessante que a WEB quando ela surgiu! É filho da rede mundial, é uma criatura, que pode a qualquer momento tornar-se algo tão importante quanto a sua origem.

Pessoas gostariam de perguntar: "Mas Liberato, por que você resolveu escrever sobre isso?" Resolvi falar sobre motivos, sobre mitos e sobre tabus, para justificar o resultado apresentado pelo Second Life nos últimos meses e no último ano. O mais importante é diagnosticar que este mundo simulado está crescendo, tanto quanto no ano passado, quando foi descoberto pelo público e chamado de "hype", de "bolha especulativa", de "joguinho" e outros adjetivos.

O mais interessante é notar que este crescimento é real e não é um "boom" como afirmavam no passado. Sempre questiono a postura derrotista que alguns "especialistas" em mundos virtuais tiveram no ano passado. Muitos sabichões (principalmente blogueiros, publicitários, marketeiros e professores universitários da área de TI, ou tudo numa mente só eheheheh) decretaram que o Second Life morreria neste ano! Ok! Ok! Ok! Cadê a morte do Second Life??? Hummmmmmmmmmm... Tá bom, vocês erraram. Serão perdoados, não tenho dúvidas disso. eheheheheh

Mas por favor, não venham no futuro fazer o jogo hipócrita, de que eram a favor do SL, que é uma mídia revolucionária e tal. Eu, por exemplo, tenho tudo aqui guardado nas minhas HD's, sabemos quem disse, o que disse e como disse. Se precisar a gente lembra ao público. ;)

Bom, contra fatos e números não há argumentos, e se houverem argumentos, críticas, reclamações elogios e etc, por favor, os postem nos comentários. Abaixo, publico os números da discórdia! O Second Life cresceu, cresce e vai crescer ainda mais. Como podemos ver nos gráficos, muitos números foram batidos nos últimos 9 meses. A Linden Lab (dona e criadora do SL) divulgou na semana passada o fechamento do terceiro trimestre deste ano, com dados comparativos aos últimos trimestres. Vejamos:

Horas totais utilizadas pelos residentes no mundo inteiro.
(Crescimento de 45% em 12 meses)


Total de transações financeiras entre residentes no mundo inteiro.

(estabilizada em 102 milhões de dólares americanos no trimestre)

Total de transações no mercado oficial de câmbio LindEx - Linden Exchange.

(crescimento de 33% no volume de transações - 28 milhões de dólares americanos)

Terreno virtual total - em m2.

(cresceu 123% em relação ao mesmo período do ano passado)
É isso. Gostem ou não do Second Life, uma coisa é certa: ele não foi um hype! Outra coisa é certa: ele continua crescendo e vai crescer ainda mais. O viés é fortíssimo e que chorem os "profetas do apocalipse"! eheheheheh

Ainda nesta semana publicarei meus comentários, pontualmente, sobre cada item apresentado nos gráficos.

Nos vemos no Second Life!!!

Se você não conhece o SL, cadatre-se agora mesmo: www.secondlife.com.

*Jean Liberato (consultor para desenvolvimento web, especialista em Social Media).
* in world: Liberato Lindman

SL Guru – Consultoria Full Service em estratégias e negócios no Second Life
(11) 8400.9116/(11) 2598.5977


Origem: http://www.mundolinden.com/

Publicidade:

5 comentários:

Dre disse...

o que uma noticia na midia causa. Nas welcome areas nesses ultimos dias frase mais usada era: "cheguei ate aqui depois que li a noticia do divorcio...". em ingles, claro, mas sobre aquela mulher britanica que pediu divorcio...

Nao foi ninguem que me contou nao, eu vi e vejo, pois vivo nos info hubs e welcome areas...

Tiamat disse...

Muito bom ter acesso a essas estatísticas, pq sempre que me questionam não tenho como explicar que SL não é uma bolha ou um fracasso além daquilo que vejo todos os dias.
A ilha onde trabalho continua firme e forte, os membros da comunidade se mobilizaram para evitar que algumas ilhas OS nossas se percam na virada do ano, a procura pelos avatares continua da mesma forma E... tenho muito mais trabalho traduzindo o material da wiki e esclarecendo duvidas dos brasileiros que visitam... Não houve diminuição. Senti um aumento.
Lógico, não um aumento tipo boom, mas gradual.
Outra: lançamento e modernização dos avatares, as lojas que conheço não fecharam! os avatares dos grupos que conheço estão todos tendo que se modernizar para acompanhar a competição e novidades em script manbíbulas móveis, AOs.Será que se estivesse decaindo o pessoal se importaria em não ficar para trás?
Até mesmo a grande criadora das ilhas está prestes a lançar a versão4 dos avatares, e celas que figuram entre os objetos- veículos mais fantásticos que ja vi em SL (voam mais orgânicos, nadam, escalam paredes..uhhuu heheheheh)
Longa vida ao SL, pois acredito que eles nos propocia um tipo de interação entre as pessoas que ainda não havia na net ou meios de comunicação (lógico,nada comparado com a realidade. mas algo novo) ...e..puxa vida..quanta novidade!!!

Marco disse...

Gosto de ler o que escreve.Jean, não se esqueça que na época da bolha também foi uma época onde a pratica de bots e camping era uma realidade constante.Ainda existe hoje, porém muito menos devido ao novo search.Isso significa que estamos falando de 76000 pessoas em uma era sem muitos bots e camping contra uma era da hype que mesmo com um numero bem menor ainda boa parte desses números eram contabilizados com bots e camping.Então o desempenho do metaverso vai muito além dos números !

Abs !

Henry

Monika Hykova disse...

Sem comentários. Ótimo post.

Ricna.net disse...

Muito bom ler algo assim. Excelente para mandar para quem te olha atravessado quando você diz estar investindo ou trabalhando no SL.

Até eu mesmo as vezes começo a me questinoar sobre a "piração" do SL. Ler textos consistentes como esse me motivam na minha caminhada e me faz (re)acreditar que não estou louco e que são os outros que não enchergam o potencial deste ambiente.

Obrigado pelo post!